quinta-feira, 30 de outubro de 2014

Secretária de saúde encerra a Campanha do “Outubro Rosa” em Cacimbas, PB


A secretaria municipal de saúde da cidade de Cacimbas no interior do estado, através de sua equipe multidisciplinar de profissionais, realizou na manhã desta quinta feira 30/10, na quadra de esportes do Distrito de São Sebastião, o encerramento da Campanha do “Outubro Rosa”, que tem por objetivo orientar e prevenir a saúde das mulheres sobre o câncer de mama e câncer do colo do útero.

O evento contou com a participação das equipes do CRAS, NASF, CREAS, Ação Social, Agentes Comunitários de Saúde, Enfermeiras da PSF, o Médico Clinico geral Doutor Thiago, Secretários, Técnicas de enfermagem, odontóloga, auxiliares da Unidade de Saúde Maria das Neves, alunos e professores da Escola Vereador Manoel de Almeida e membros da comunidade local.

Para dinamizar a programação, o Grupo Renascer para Viver, sob a coordenação do educador físico Rogério Rocha, se apresentou com muita animação e encantou o público presente com danças e ritmos irreverente da nossa cultura Nordestina. Rogério falou da importância da realização da prática de atividade física no combate ao sedentarismo e aproveitou para divulgar o calendário de atividades desempenhadas pelo grupo ao longo da semana na nova quadra esportiva.

Ana Talita, estudante de nutrição e Secretária da Atenção Básica no Município, falou da importância das pessoas adotarem hábitos saudáveis de uma alimentação balanceada rica em frutas, verduras e legumes visando uma melhor qualidade de vida e consequentemente, prevenir muitas doenças, inclusive alguns tipos de câncer, desde que estejam associadas a outros hábitos de higiene e atividade física.

“Prevenir é melhor que remediar”, não economize para ter saúde, pois na doença pode se gastar muito mais e nem sempre se consegue reverter os problemas, deixo a frase de reflexão que diz ‘Que o teu alimento seja o teu medicamento’, ponderou Ana Talita.

Segundo o clinico geral Doutor Thiago, alguns comportamentos de riscos como o uso abusivo de álcool, tabagismo, exposição à radiação solar, sedentarismo, má alimentação, obesidade, fatores genéticos, ausência de atividades físicas e falta de cuidados com a higiene do corpo, dentre outros, podem agravar as doenças no organismo dos pacientes. A odontóloga Conceição avaliou o encontro como positivo e atribuiu os resultados ao empenho e envolvimento de todos os profissionais em sintonia com a população.  

Ele recomenda a procura periódica pelos serviços médicos, por acreditar que a prevenção é o melhor remédio, e quanto mais cedo for diagnosticada uma enfermidade, maiores serão as chances de cura. O médico explicou sobre as causas, sinais e sintomas das doenças abordadas e destacou a importância da realização dos exames preventivos.

A enfermeira Úrsula Érica falou dos desafios em divulgar os resultados dos exames em tempo hábil dentro dos prazos, por conta da demanda do laboratório que trabalha com diversos municípios ao mesmo tempo e falou dos tabus que muitas vezes atrapalha a procura da população pelos serviços de saúde.

A também enfermeira Andréia Dias, exibiu um vídeo educativo sobre os conteúdos abordados e se disse surpresa com a receptividade das participantes em seguida, a Diretora da Unidade de Saúde do Distrito Losânge Ferreira, agradeceu as parcerias e falou da satisfação de ter realizado o evento que atendeu as expectativas conforme foi planejado, depois realizou o sorteio de brindes entre os participantes.

A secretária de Saúde do Município Joscilene Farias, parabenizou a todos os responsáveis pelo sucesso do evento e agradeceu o apoio da Prefeitura de Cacimbas, através do Prefeito Léo, ela aproveitou para convidar o público masculino a se fazer presente na Campanha do “Novembro Azul”, a programação deve ser divulgada em breve com as ações voltadas para tratar da saúde do Homem, principalmente, sobre o câncer de próstata, diabetes, hipertensão, tabagismo e alcoolismo.


 


 




 
 







Prefeitura Municipal de Cacimbas com um novo tempo: administração Prefeito Léo Terto. SECOM/PMC.

Prefeitura de Cacimbas garante o pagamento dos servidores para esta sexta 31



A prefeitura Municipal de Cacimbas no interior do estado, por meio do Prefeito Léo Terto e do setor de finanças do município, garante o pagamento dos seus funcionários públicos para esta sexta feira dia 31 de outubro do ano em curso, como forma de manter os servidores recebendo seus vencimentos dentro de cada mês trabalhado, como sempre vem fazendo em sua gestão.

A pesar das dificuldades financeiras, os funcionários podem comemorar os esforças que o gestor vem realizando de forma planejada para honrar seus compromissos. O gestor aproveita o momento para agradecer a todos pelos bons serviços que estes prestam ao município e parabeniza todos os servidores públicos pela passagem do seu dia que foi na ultima terça feira 28/10.

“Meus parabéns a todos aqueles que dedicam parte do seu tempo para servir a população com seu honroso trabalho, na busca de melhorias para si e para os demais. Essas ações fazem a diferença na qualidade dos serviços ofertados e contribui ainda mais com a dignidade da pessoa humana, agradeço também aos servidores inativos, que já contribuíram com a construção do nosso município dando sua parcela de contribuição. Obrigado a todos de um modo especial”, mencionou o Prefeito. 

Prefeitura Municipal de Cacimbas com um novo tempo: administração Prefeito Léo Terto. SECOM/PMC.


quarta-feira, 29 de outubro de 2014

É segunda a vacinação de 42,5 mil gestantes contra difteria, tétano e coqueluche



A partir da próxima segunda-feira (3), a vacina contra difteria, tétano e coqueluche (DTPA) para gestantes passar a fazer parte do calendário nacional de vacinação em todo país. Serão imunizadas mulheres com gestação a partir da 27ª semana (seis meses e meio) até a 36ª semana (nove meses), preferencialmente, podendo ser administrada até 20 dias antes da data provável do parto. Na Paraíba, a meta é vacinar 42.598 mulheres, neste primeiro momento.

A vacina será oferecida em todas as unidades de saúde onde as mulheres fazem o pré-natal. Além das gestantes, a DTPA passará a ser obrigatória também para os profissionais de saúde (médico anestesista, ginecologista, neonatologista, obstetra, pediatra, enfermeiro e técnico de enfermagem), que atendam recém-nascidos nas maternidades e UTIs neonatais, reforçando as estratégias de controle já vigentes.

De acordo com a chefa do Núcleo de Imunização, da Secretaria de Estado da Saúde (SES), Isiane Queiroga, atualmente a vacina é oferecida somente em crianças com dois, quatro e seis meses e depois tem dois reforços quando a criança está com um ano e três meses e depois com quatro anos. “Como estão aumentando os casos de coqueluche, em todo país, em crianças que ainda não completaram o esquema vacinal, o Ministério da Saúde entendeu a necessidade de imunizar as grávidas e, dessa forma, a imunidade será transferida para o bebê por meio da placenta e amamentação”, explicou.

Saiba mais sobre as doenças: Difteria, tétano e coqueluche

A difteria é uma doença infecciosa respiratória aguda grave podendo incidir em qualquer faixa etária. É causada pela toxina da bactéria Corynebacterium diphtherie e transmitida pelo contato direto com pessoas doentes ou portadores por intermédio da aspiração de secreções ou objetos contaminados por estas secreções.

O tétano é uma doença infecciosa aguda não contagiosa causada pela fixação no sistema nervoso de exotoxinas segregadas pelas formas vegetativas pelo Clostridium tetani, distribuindo-se difusamente na terra, água, poeira, bem como na superfície de animais, vegetais e objetos inanimados. Sua ocorrência está relacionada às atividades profissionais que apresentem risco de ferimento, sendo o sexo masculino o mais acometido pela doença. A letalidade ainda é considerada alta no Brasil (34% em 2010).

A coqueluche é uma doença infecciosa aguda de alta transmissibilidade, e uma importante causa de morbimortalidade infantil. A doença é causada pelas bactérias Bordetella pertussis e B. parapertussis. O homem é o único reservatório natural e ainda não foi demonstrada a existência de portadores crônicos.

Portal Correio


Veneziano diz que PMDB vai decidir sobre infiéis: “não podemos varrer as traições para debaixo do tapete”



O deputado federal eleito Veneziano Vital do Rêgo (PMDB-PB) disse nesta quarta-feira (29) que o partido vai se posicionar e tomar uma decisão sobre os peemedebistas que traíram a legenda no pleito deste ano. Segundo Veneziano, esta é uma realidade que o partido não pode esconder e a posição tomada por muitos peemedebistas é vista com preocupação, considerando o futuro da legenda para as próximas eleições estaduais e nacionais.

“Não faremos ‘caça às bruxas’, mas não podemos varrer para debaixo do tapete as traições, não dá para esconder essa realidade vivenciada nestas eleições pelo PMDB paraibano”.
Veneziano lembrou que, em 2016, ocorrerão eleições municipais e o partido tem que estar certo dos candidatos que irá lançar em cada cidade. “Daqui a dois anos, teremos eleições municipais, que serão preparatórias para as próximas eleições estaduais e nacionais de 2018, e é preciso que saibamos com quem vamos conviver”, afirmou.

Ele lembrou que, diante das dificuldades vivenciadas na campanha deste ano, o PMDB, na Paraíba, saiu muito bem do processo eleitoral. “Por tudo o que passamos, podemos dizer que saímos dessa eleição vitoriosos”, afirmou o deputado, lembrando que o partido fez o senador José Maranhão, três deputados federais (a maior bancada da Paraíba na Câmara Federal) e quatro deputados estaduais (a segunda maior bancada da Assembleia).

Veneziano também recordou que o processo pré-eleitoral foi muito traumático para o partido, considerando a posição de muitos peemedebistas, que escolheram apoiar outros projetos,  e não o do próprio PMDB. “Muitos peemedebistas, lamentavelmente, movidos pelo sentimento de tirar vantagem, foram seduzidos por uma suposta futura vitória certa e aderiram ao clima do ´já ganhou´ do candidato do PSDB ou, ainda no primeiro turno, decidiram apoiar o governador Ricardo Coutinho”.

Ele finalizou dizendo que o PMDB vai trabalhar para não tolerar ser uma legenda apenas ´usada´ por políticos que pensam mais em si próprios do que no conjunto partidário. “Vamos discutir isso com muita calma, tranquilidade, espírito sereno. Mas não podemos relevar a realidade: o PMDB não pode ser uma legenda para se recorrer a ela na eleição municipal, por ser um grande partido, e na hora da contrapartida, nas eleições estaduais e nacionais, simplesmente virar as costas. Não, não dá pra ser assim”.

iParaiba com Ascom

terça-feira, 28 de outubro de 2014

As comemorações em relação à vitória de Ricardo Coutinho e Dilma continuam



Eleitores, amigos, lideranças e simpatizantes que apoiaram a reeleição de Dilma Rousseff, Presidenta do Brasil e Ricardo Coutinho, governador da Paraíba, ainda comemoram as vitórias que repercutem em todo território estadual nacional e também nos municípios, a exemplo de Cacimbas interior do estado, onde os referidos políticos a cima citados foram majoritários no 1º turno e ampliaram ainda mais a votação no 2º turno das eleições.

O prefeito Léo com as militâncias municipais comemoram as vitórias desde o momento que foram divulgados os resultados. Na cidade, as pessoas saíram às ruas na noite do domingo 26 e entraram pela madrugada, já nesta segunda feira 27, foi à vez de se comemorar com os moradores das comunidades de Serra Feia, Santa Fé, Simão, Pedro e pessoas de São Sebastião.

Nesta terça feira 28, a comitiva da vitória se junta com os moradores da comunidade Fundamento de cima no Bar de Raimunda Merenda, a partir das 17 horas e no sábado dia 1º é a vez de comemorar com o pessoal do Distrito de São Sebastião, Monteiro e demais comunidades adjacentes, na Praça daquela localidade.

“O povo soube reconhecer os trabalhos que vem sendo realizados por nossos governantes, nós soubemos pedir, agora é a hora de também saber agradecer a todos pelo apoio”, ponderou o Prefeito Léo que convida a todos para essas confraternizações entre amigos.  É sábado dia 1º na Praça do Distrito de São Sebastião a partir das 17 horas. SECOM/PMC.